Elaine Cruz

Elaine Cruz é psicóloga clínica e escolar, com especialização em Terapia Familiar, Dificuldades de Aprendizagem e Psicomotricidade. É mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense, professora universitária e possui vários trabalhos publicados e apresentados em congressos no Brasil e no exterior. Atua como terapeuta há mais de trinta anos e é conferencista internacional. É mestre em Teologia pelo Bethel Bible College (EUA) e membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil. Como escritora recebeu o 'Prêmio ABEC de Melhor Autora Nacional' e é autora dos livros “Sócios, Amigos e Amados”, “Amor e Disciplina para criar filhos felizes” e o mais recente, "Equilíbrio Emocional", todos títulos da CPAD.

Quando temos uma data importante marcada na agenda de trabalho, uma viagem planejada, ou férias programadas, nós ficamos contando os dias para podermos vivenciar o evento. As crianças contam os dias para voltar às aulas, para as festas de aniversário, ou para as atividades de final de semana com os pais ou avós. A noiva conta os dias para o casamento, o noivo faz sua contagem para a lua de mel, e todos vivenciamos o passar dos dias e dos anos, numa contagem que só aumenta  nossos anos de vida. 

Há algumas poucas décadas atrás, os bebês nasciam e demoravam cerca de três a cinco dias para abrir os olhos. Eram gerados em silêncio, sem o barulho de televisores, de campainhas de celular, de estridentes buzinas de carros ou das vozes altas dos transeuntes das ruas. Hoje são muitos os barulhos cotidianos no trânsito das ruas, sem mencionar os programas de  televisão, vídeos do youtube, filmes e jogos. E com os barulhos e estímulos, as pessoas se expressam em um tom de voz cada vez mais alto para serem ouvidas e percebidas!

Atitudes nonsense, sem sentido, evidenciam a loucura dos nossos dias. Como explicar o terrorismo ou a violência gratuita? Como pais podem matar uma filha pequena e indefesa? Como uma pessoa pode usar drogas ciente do que esta faz à sua mente? Ou ficar tão dominada pela droga e os pensamentos que ela provoca, a ponto de arrancar os próprios olhos, como frequentemente assistimos? 

Esperar contra a Esperança

Escrito por Elaine Cruz
Esperar contra a Esperança

A Bíblia contém frases belíssimas. Uma delas é a frase em que Paulo escreve inspirado pelo...

Comemorando aniversário

Escrito por Elaine Cruz
Comemorando aniversário

É interessante pensar no nascimento. Não pedimos para nascer, e nem mesmo escolhemos a cas...

Aprendendo a dizer Não

Escrito por Elaine Cruz
Aprendendo a dizer Não

Uma criança aprende a balançar o dedinho e a cabeça fazendo não bem antes de falar. Ela co...

Influenciadores digitais

Escrito por Elaine Cruz
Influenciadores digitais

Na última Bienal do Livro, no Rio de Janeiro, tive o privilégio de fazer uma tarde de autó...

Perdão no Casamento

Escrito por Elaine Cruz
Perdão no Casamento

Perdoar é uma decisão consciente de estar livre, não só do ato do outro que causou a mágoa...

Perdoar não é uma opção

Escrito por Elaine Cruz
Perdoar não é uma opção

Perdoar não pode ser uma opção, até porque não há outra saída para quem foi ferido. Quem n...

Perdoar não é cicatrizar instantane...

Escrito por Elaine Cruz
Perdoar não é cicatrizar instantaneamente

Perdoar é uma decisão difícil de ser tomada. Mas sabemos que precisamos perdoar pessoas co...

 

 

SOBRE


Com o objetivo de ajudar as mulheres cristãs da atualidade, a CPAD prepara um presente especial para elas: o site de conteúdos Mulher Cristã. O novo espaço feminino vem repleto de conteúdos inéditos, sempre com temas voltados para as mulheres cristãs de nossos dias.

©2019 CPAD: Av Brasil 34.401 - Bangu - Rio de Janeiro - CEP: 21852-002 - Brasil - CNPJ 33.608.332/0001-02. Designed by CPAD.