Valquíria Salinas

Valquíria Salinas é cristã evangélica, com vasta formação na Psicologia e áreas correlatas. Faz um sólido trabalho de aconselhamento e apoio ao lado de seu marido e pastor. Traz para o público evangélico, de forma clara e simples, temas e abordagens do aspecto psicológico do ser humano e sua relação espiritual com Deus, tudo de forma clara, simples e direta. Seja para adolescentes e jovens, para mulheres, casais ou família, no templo, no acampamento ou em empresas, a Psicóloga Valquíria Salinas fala sem achismos. Tem experiência de 16 anos de atendimento diário em seu consultório de psicologia, atuou em 2 Hospitais Psiquiátricos e foi voluntária no SOS - para recuperação de drogados e alcoólatras – durante 5 anos. Está à frente do Culto Regional de Mulheres, que reúne cerca de 3 mil mulheres mensalmente, na Assembleia de Deus na cidade de Sorocaba-SP.

 

Sabotando-se a si Mesma – Entenda esse Mecanismo

A auto sabotagem é o boicote inconsciente com você mesma, de suas próprias ações e resultados, de maneira a não obter sucesso naquilo ao qual você se propôs. Ela influencia qualquer área da sua vida; seja pessoal, profissional, no relacionamento conjugal, com os filhos, com o ministério etc.

Por se tratar de um comportamento quase sempre inconsciente, independe da postura da mulher na sociedade. A mulher que sofre com a auto sabotagem pode ser guerreira, batalhadora, pode executar grandes atividades no seu dia a dia e ainda assim sofrer com isso.

Porque isso ocorre?

Esse comportamento tem ligação direta com a história de vida dessa mulher, geralmente se relaciona com a sua criação e vivências na infância. Pode estar vinculado a lemas familiares, traumas, sentimentos de abandono, rejeição e em muitos casos tem a ver com um poderoso e destrutivo sentimento de CULPA! Não poucas vezes essa culpa é fantasiosa, ou seja, não por erros cometidos, mas por sentimento de culpas irreais, mas que se traduzem como reais na mente da mulher, causando-lhe um avassalador e doloroso sentimento.

Graves Consequências

O comportamento de auto sabotagem é pior do que se pode imaginar. Normalmente quem dele sofre sequer consegue reconhecer a motivação dos sofrimentos e das decepções. As consequências desagradáveis para a vida desse indivíduo são inúmeras. Como exemplo: diabetes, síndrome do pânico, obesidade e em casos ainda mais graves a constante desistência dos sonhos, podendo culminar em um cenário de extrema frustração, onde surgem pensamentos suicidas. Nesse labirinto os comportamentos ruins são repetidos com FREQUÊNCIA, passando inconscientemente a aceitar e conviver com as consequências e pensamentos ruins como se fosse algo “normal”. 

Auto Sabotagem no Casamento

Um exemplo que infelizmente é comum é a auto sabotagem dentro do cenário do casamento, situação em que a mulher é CAPAZ, sempre trabalhou, estudava e após o casamento passou a se anular, não fazendo mais nada e desfocando-se de seus anseios pessoais. Geralmente nesses casos a mulher está em um namoro/casamento com um homem possessivo e que tenta proibi-la de trabalhar e participar de atividades pessoais e sociais, como de grupos da igreja, por exemplo. Outro exemplo muito comum é o de meninas que possuíram um pai ou algum parente próximo que tinha o hábito de trair em seus relacionamentos, e ao buscar um namorado, essa garota passa inconscientemente a se relacionar com um rapaz que também possui esse mesmo “mau hábito”, gerando problemas conjugais futuros.

Auto Sabotagem Profissional

Já no âmbito profissional, conheci uma pessoa que após concluir um curso de pós-graduação muito difícil estava certa de que um tal emprego já estava praticamente garantido para ela. Ao chegar à tão esperada data da entrevista ela se esqueceu de comparecer na empresa, perdendo a tão sonhada e planejada vaga. Outro caso recorrente é o de alunos que passam o ano inteiro estudando para a prova do Enem e, no dia da prova chegam atrasados, quando o portão já foi fechado. Em muitos casos trata-se de auto sabotagem!

São muitos e variados os casos de auto sabotagem que tenho tratado durante todos esses anos no atendimento clínico. Os mais comuns são os casos de casamentos em que a esposa confunde a figura do pai com a do marido, invertendo as noções de figura masculina e corrompendo-a. Explico: existem pessoas que tiveram pais autoritários e acabam confundindo isso com uma figura de autoridade, por conta disso muitas mulheres apresentam grande dificuldade de respeitar o marido, o chefe e o pastor como autoridade espiritual. Confundem os papéis desses homens, e rechaçam qualquer figura de autoridade, confundindo autoridade com autoritarismo. São mulheres insubmissas em qualquer esfera da vida.

Alguns Passos para Sair do Problema

1. Identificar em você mesma esse comportamento repetitivo. Perceber o comportamento compulsivo da auto sabotagem e ir em busca dos traumas que o originaram é fundamental para enfraquecer os sentimentos de fracasso que te prejudicam tanto;

2. Observar como você se relaciona com a CULPA. Sentir culpa por algo errado é natural e saudável, pois pode levar ao arrependimento. Sentir culpa fantasiosa pelo que não fez é horrível e destruidor. A culpa excessiva é um dos principais ocasionadores de fracassos;

3. Busque a ajuda de um profissional! Esse passo é fundamental, afinal uma boa terapia e o suporte de alguém preparado pode te converter da auto sabotagem para uma postura consciente, tornando possível compreender suas razões, e como atacar o problema de maneira mais profunda para reverter o problema, e vencê-lo.

Você é Vencedora!

É mais comum do que se pensa encontrar mulheres com grande sentimento de inferioridade, ao ponto de aceitarem ser maltratadas pelas pessoas ao seu redor, namorado, marido, filho etc. Você não pode se esquecer que é ESCOLHIDA do Senhor! Menina dos Olhos de Deus! Tem um valor incalculável e já é vencedora somente pelo fato de estar viva! Há pessoas que se importam com você, sim! E você não precisa carregar todas as culpas do mundo, pois Jesus Cristo já carregou as tuas culpas na Cruz, no Calvário! Pense e analise se você nãoestá se boicotando, acreditando que você merece qualquer coisa, que merece ser maltratada e humilhada, é isso que Deus quer para você? Não!

Uma Mulher de Postura

Você não precisa brigar com ninguém, mas é fundamental saber se posicionar, orar, buscar em Deus para que você consiga perceber com clareza o que está ocorrendo e o que te leva a tais comportamentos de acreditar que você merece algo ruim ou até sentir prazer em ser maltratada. Deus abrirá seus OLHOS! Administre a sua vida com equilíbrio, com postura firme e gentil, acolhedora e pacificadora, mas com discernimento do seu papel como namorada, esposa, mãe, profissional no serviço em que trabalha, vizinha, parente e mulher cristã. 

Você leitora, não tenha vergonha de falar e lidar com esse sofrimento, pois só reconhecendo a necessidade de mudança e indo em busca de ajuda você irá mudar a sua visão, postura e ação, passará a se enxergar como Deus quer que você se veja e assim se tornará uma mulher capaz de realizar seus SONHOS com boa autoestima, confiança, grande consciência e sem se autosabotar!

valquiria

Valquíria Salinas 


*A CPAD não se responsabiliza pelas opiniões, ideias e conceitos emitidos nos textos publicados nesta seção, por serem de inteira responsabilidade de sua(s) autora(s).

O Esgotamento Emocional pode ser su...

Escrito por Valquíria Salinas
O Esgotamento Emocional pode ser superado

O esgotamento emocional normalmente ocorre quando a pessoa está passando por situações de...

Filhos do Quarto de Dormir

Escrito por Valquíria Salinas
Filhos do Quarto de Dormir

O Presente não é o Passado No passado recente, a maior preocupação dos pais tinha a v...

Crianças na Cama dos Pais. Pode iss...

Escrito por Valquíria Salinas
Crianças na Cama dos Pais. Pode isso?

Provérbios 3.12 “Porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a...

Sabotando-se a si Mesma – Entenda e...

Escrito por Valquíria Salinas
Sabotando-se a si Mesma – Entenda esse Mecanismo

A auto sabotagem é o boicote inconsciente com você mesma, de suas próprias ações e resulta...

Gratidão e a História de Elizabeth

Escrito por Valquíria Salinas
Gratidão e a História de Elizabeth

Há uma tendência no ser humano, principalmente hoje em dia, em realçar as coisas negativas...

Tudo Novo de Novo - 2019

Escrito por CPAD Web
Tudo Novo de Novo - 2019

É no período entre o final e o início de um novo ano que a maioria das pessoas faz um bala...

O Casal Cristão e a Experiência do...

Escrito por Valquíria Salinas
O Casal Cristão e a Experiência do Ninho Vazio

Fator Desencadeante Os filhos nascem e os pais ficam felizes e orgulhosos. Então vem...

 

 

SOBRE


Com o objetivo de ajudar as mulheres cristãs da atualidade, a CPAD prepara um presente especial para elas: o site de conteúdos Mulher Cristã. O novo espaço feminino vem repleto de conteúdos inéditos, sempre com temas voltados para as mulheres cristãs de nossos dias.

©2019 CPAD: Av Brasil 34.401 - Bangu - Rio de Janeiro - CEP: 21852-002 - Brasil - CNPJ 33.608.332/0001-02. Designed by CPAD.